Frente Parlamentar Ferroviária recebe apoio do Prefeito Municipal de Vinhedo (SP) – Dr. Jaime Cruz

Postado em: 30-05-2014 por:cptmcampinas | Visitas: 1.879 | Comentários:3

3

Coordenadores do movimento estão percorrendo a região para pedir apoio aos chefes do Executivo para agilizar a implantação do trem de passageiros.

 
Mais um prefeito da nossa região, demonstrou apoio à Frente Parlamentar Ferroviária que pleiteia o regresso do trem de passageiros. Na quarta-feira, 28, o prefeito de Vinhedo, Dr. Jaime Cruz, recebeu em seu gabinete os coordenadores da frente, reforçando o interesse do município em reativar o trem de passageiros.

Para o coordenador da frente, vereador Lorival Messias de Oliveira (Valinhos), este é o momento da região se mobilizar, solicitando agilidade na implantação do trem regional. “Aquilo que era impossível está se tornando realidade. Agora precisamos do apoio dos prefeitos da região para agilizar o processo, demonstrando ao governo estadual que os municípios da nossa região têm interesse em receber o trem”, explicou.

Além do vereador Lorival, participaram da reunião os vereadores que integram a campanha desde 2011: Carlinhos Paffaro (Vinhedo) e Reginaldo Lorençon (Louveira) e também o Presidente da Câmara de Vinhedo, Rubens Nunes, além do Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias Paulistas, Francisco Aparecido Felício (França), Ariovaldo Bonini e José Antonio Matias.

O prefeito de Vinhedo Dr. Jaime Cruz, confirmou que o projeto tem o apoio pessoal, e também da população de Vinhedo, visto que toda a região merece ser contemplada com um novo modelo de transporte. “Só louco para não apoiar essa iniciativa que vai beneficiar a todos. Nós queremos o trem de volta e tudo o que pudermos fazer para colaborar, será feito”, afirmou, citando o congestionamento das rodovias como um dos principais motivadores para o retorno do trem.

França explicou que está previsto para o próximo mês a publicação do edital para contratação da empresa e que apesar disso, as autoridades da região não foram chamadas para conhecer o projeto. “Os estudos de viabilidade técnica e operacional já foram concluídos. Nós temos informações que as obras começam em 2015 e com término previsto para 2019, por meio de parceria público privada. É necessário que toda a região esteja engajada com os benefícios do projeto e comecem a se adequar desde já”.

Desde janeiro a Frente Parlamentar Ferroviária aguarda a vinda do Secretário de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, que se comprometeu em realizar uma explanação aos prefeitos e vereadores sobre o projeto.

O Prefeito Jaime Cruz indagou os presentes sobre a situação das Estações Ferroviárias, a maioria delas já tombadas ou em processo de tombamento. Os representantes do sindicato explicaram que provavelmente elas não serão utilizadas, já que será necessário modernizá-las. “A previsão é que novas estações sejam viabilizadas na mesma região, mas não necessariamente no mesmo local, pois o trem deverá ser interligado a outros tipos de transporte”, completaram.

Alem do Prefeito, também se manifestou totalmente favorável ao retorno dos trens de passageiros, o nosso amigo e sempre colaborador Vereador Rubens Nunes – Presidente da Câmara de Vinhedo.

 
Próximas audiências

Na sexta-feira, 30, o trem regional será um dos temas da reunião do Parlamento Metropolitano da Região de Campinas que discutirá os benefícios deste tipo de transporte para a RMC em evento que será realizado na Câmara Municipal de Americana.

Na próxima semana a coordenação da Frente estará reunida com o Prefeito de Louveira Dr. Junior Finamori, para pleitear seu apoio ao projeto junto ao Aglomerado Urbano de Jundiaí, o qual o município vizinho faz parte.
Hortolândia e Americana já solicitaram à frente a realização de audiências públicas para discutir com a população o regresso do trem de passageiros. A previsão é que ambas sejam realizadas ainda no mês de junho.

 
Benefícios do retorno do trem

Os vereadores Carlinhos Paffaro e Reginaldo Lorençon destacaram alguns dos benefícios do projeto para a região. Entre eles, está o fato de que o trem não concorrerá com outros tipos de transporte. “Com a implantação do trem, certamente haverá aumento da utilização dos ônibus, pois o cidadão deixará o carro em casa. Ele deverá somar”.

Segundo os coordenadores da frente, além de desafogar o trânsito, o trem deverá propiciar melhorias significativas na mobilidade urbana da região, oferecendo um transporte rápido, seguro, econômico e não poluente.

Comentários (3)

Saudações a todos. Que tal um protesto diferente? Uma manifestação em Jundiaí na estação de trem, com os participantes em seguida pegando o trem, descendo na Luz, nova manifestação e aí voltamos.

kkkkk

ocêis acredita!

se o PSDB sucateou tudo a favor da máfia do Pedágio.
Vocês acham que eles vão fazer o quê ?

Se o povo, não reclama de gastar 7,30 para ir e mais 7,30 para voltar todo santo dia.

Você acha que esses caras vão deixar de ganhar a verba de concessionárias e empresas de ônibus ? Diga se de passagem que só existe uma né!

kkkkkk – O pior é ver a cara desse secretário de IMOBILIDADE URBANA mentindo na cara dura!

Terceiro mundo e fogo!

PARABÉNS PESSOAL – TEM QUE ENVOLVER ESSES PREFEITOS. NÃOPODEM FICAR EM CIMA DO MURO. OU QUEREM OU NÃO QUEREM ESSE TREM.
SUGESTÃO: REUNA OS 5 PREFEITOS E COBREM DO GOVERNADOR…QUERO VER SE SAI OU NÃO SAI ESSE TREM

Deixe seu comentário

Inline