Extensão das vias férreas da CPTM

Postado em: 29-07-2011 por:cptmcampinas | Visitas: 33.760 | Comentários:11

11

Hoje, os serviços prestados pela C.P.T.M – Companhia paulista de Trens Metropolitanos, atendem a população da Grande São Paulo e chegam até o município vizinho de Jundiaí/SP., distante apenas 40 km de nossa cidade.

O transporte ferroviário da C.P.T.M. é de boa qualidade, sendo realizado com segurança, conforto e rapidez, tendo preços bastante acessíveis à população de menor poder aquisitivo, sendo que uma passagem de Jundiaí, à São Paulo, tem o custo de R$ 2,90 – quase o mesmo preço, de uma passagem de ônibus/circular na cidade de Campinas, e o intervalo de um trem para outro, é de apenas 8 minutos em horários de “pico” e no máximo 20 minutos nos finais de semana.

A extensão dos serviços da CPTM até Campinas, também atenderá os municípios de Louveira, Vinhedo e Valinhos (trecho de vias férreas duplas) trazendo grandes benefícios aos moradores dessas cidades, visto ganharem mais uma boa opção de transporte:- o ferroviário.

A possibilidade desta nova opção, para Campinas e região, que conta com aproximadamente 2 milhões de habitantes, melhorará consideravelmente o transporte nesta região.

Os moradores, tanto poderão deslocar-se para a Capital, como também poderão fazê-lo, entre as demais cidades atendidas pela CPTM.

A opção do transporte dos trens da CPTM para Campinas e Região, também terá reflexos na melhoria do sistema de transporte rodoviário, com uma redução considerável de veículos, e ônibus que viajam até São Paulo, principalmente pelas rodovias Anhanguera e Bandeirantes, que encontram-se bastante saturadas, com trânsito pesado, e engarrafamentos diários.

Outra grande vantagem dos trens, é que possuem como fonte de energia, a alimentação elétrica de seus motores, (energia limpa) não produzindo poluentes ao meio ambiente.

Os embarques/desembarques de passageiros, são realizados do centro de uma cidade ao centro de outra, ainda mais, o transporte da CPTM na município de São Paulo, é interligado ao sistema do METRÔ, e traz perspectivas de mais um outro meio de deslocamento dentro da capital paulista.

Afora isso, o trânsito urbano da cidade de São Paulo, que já está muito próximo do caos, com vários congestionamentos diários, em especial, nos dias de chuva, terá uma redução expressiva na circulação de veículos (carros e ônibus) vindos do interior.

Antes da extinção da FEPASA – FERROVIA PAULISTA S/A,- ocorrida em 1.998 – Campinas, Valinhos, Vinhedo e Louveira, já eram atendidas e beneficiadas pelos chamados “trens de subúrbios da FEPASA” que corriam de Campinas à São Paulo.

Toda a infra-estrutura/obras necessárias para a expansão, dos serviços de transportes de passageiros da CPTM de Jundiaí à Campinas, terá um baixíssimo custo ao Estado se comparados com outros projetos de trens regionais, vez que, neste trecho ferroviário, (repita-se de linhas férreas duplas) já circulavam esse tipo de trem, e possuem melhores condições.

Campinas e Jundiaí; possuem grandes oficinas de manutenção de locomotivas/trens que se encontram desativadas, e que poderão ser utilizadas pela CPTM – na manutenção e consertos dos trens, abrindo a possibilidade de criação de novos empregos no setor ferroviário em nossa região.

O SINDPAULISTA (www.sindpaulista.org.br) pede o apoio da população destas cidades (Louveira, Vinhedo, Valinhos e Campinas) para sua Campanha, que visa trazer os trens da CPTM à nossa região.

Estamos fazendo gestões políticas junto aos Deputados Estaduais, Federais, Prefeitos, e Vereadores da nossa região, em especial, junto ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado – Dr. Geraldo Alkimin, para que viabilize, aprove e determine a expansão da C.P.T.M. até Campinas/SP.

Em breve, estaremos promovendo Audiências Públicas nas Câmaras Municipais destes municípios, sendo que a primeira audiência ocorrerá no dia 12 de agosto/2011 – no Salão Vermelho da Prefeitura Municipal de Campinas, das 11:00 às 13:00 horas.

Sr. Governador; Campinas e região precisam e merecem os trens da CPTM.

A Diretoria
Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias Paulistas

Rua Dr. César Bierrembach, 80 (centro)
CEP. 13015-025 – Campinas/SP
Fone/fax – 3721-0800
e-mail:- secretaria@sindpaulista.org.br

 

Comentários (11)

Primeiro, quero parabenizar os promotores pela visão e sonho.

Ao lembrar que as ferrovias paulistas foram importantes indutores econômicos, a proposta de trem urbano entre Jundiái e Campinas deve ser endossada pela população.

Na Região Metropolitana de Campinas já existem infraestrutura ferroviária que viabilizam com baixo custo um projeto de trem urbano que ligue as RMSP (Região Metropolitana de São Paulo) e a RMC (Região Metropolitana de Campinas).

Além disso, parcerias públicos-privados podem ser consideradas nesta empreitada de cunho sócio-ecônomico.

Parabéns,

Fraternalmente,

Jael Eneas de Araujo
Professor Universitário
RG 7.236.052-5/SP

Caros amigos, vamos pedir o retorno dos trens regionais, é muito mais seguro, rápido e limpo.

Senhores Governos, queremos o retorno dos trens regionais, isso é um grande passo ao desenvolvimento da região sudeste e do Brasil.

Senhores Governos, amplie a malha ferroviária, só assim teremos um trânsito mais tranquilo e menos poluição.

Caros Amigos de Campinas e região, vamos fazer uma petição em massa para que os trens cheguem não só até Campinas mas que possam interligar outros estados brasileiros. Vamos nessa luta e conseguiremos !!!

TODOS OS PROJETOS FERROVIÁRIOS PARA TRANSPORTE DE MASSA SÃO BEM-VINDOS, CADA UM TEM SEU PÚBLICO-ALVO E NÃO HÁ INTERFERENCIA DE UM SOBRE O OUTRO. TEM ESPAÇO PARA TODOS

Infelizmente o nosso Trem bala esta vindo de ESTILINGUE, e quem mais será beneficado é a população mais rica, pois pelo preço pobre nao andará de trem bala, ja quanto aos trens da CPTM, como moro em Jundiai sou usuário, quando vou pra sampa uso sempre o trem, demora um pouco mais, a gente ganha no preço e na comodidade, quando você chega na estação da luz ali voce faz a interligação com o metro e vai pra qualquer região de Sampa, sem contar que nao passa raiva nos engarrafamentos.
SE VOCE É DE CAMPINAS APROVEITA ESTA AUDIENCIA PARA PEDIR A EXTENSÃO AS AUTORIDADES QUE ALI ESTARÃO PRESENTES, PORQUE NO BRASIL INFLIZMENTE NOSSOS POLITICOS SO FAZEM ALGUMA COISA QUANDO SÃO COBRADOS PELOS SEUS ELEITORES

Acredito que esse percurso vai demorar quase 2 horas com tantas paradas, mas por R$2,90 mas do que justo!

O trem bala deve vir para agregar e não para servir de justificativa para essa ampliação até campinas não acontecer.

O trem bala é um projeto que não é algo certo ainda e que se pronto só servirá a região em 2018 ou 2020.
Ridiculo deixar a região de campinas a merce de rodovias até lá.

São trens modernos, parecem os trens bala, lindosssssssss

Puxa vida!!!!!
o intervalo entre um trem e outro é fantástico……..

A população mais pobre de Campinas, ficará satisfeita com o preço da passagem de R$ 2,90 até São Paulo

Deixe seu comentário

Inline